Estruturar e Liderar Equipes


#1

Pessoal, basicamente, o que é preciso para liderar equipes mesmo ainda sendo muito novo?
Como estruturar uma equipe de vendas e de recursos humanos e como liderar essas pessoas?
Sou recém formado em administração e pretendo abrir meu negócio o mais breve possível, mas antes é necessário que eu aprenda a motivar e engajar pessoas.

Vocês podem compartilhar as experiências de vocês como lideres, gerentes, administradores, na condução de uma equipe afim de atingir determinado resultado??


#2

Ola Marlon!

O primeiro papel do líder é acreditar no negócio, de forma que inspire os liderados. Porém, antes de falar sobre o negócio, analise o perfil dos colaboradores e se eles estão adequados para as atividades propostas.

Para colaboradores independentes e com maior capacidade de auto-gestão, pode ser interessante coloca-los à par dos objetivos estratégicos da empresa, mostrando onde ele poderá fazer a diferença. Em contra partida, se o colaborador depende diretamente do gestor e executa atividades que não requer grande complexidade, a motivação necessária poderá ser de forma monetária (atingindo as metas / reconhecimento do profissional / funcionário do mês, etc).

Portanto, voltarei para a grande pergunta a qual sempre fazemos aqui: Você já montou seu plano de negócios ou Business Model Canvas? Será por ele que você identificará o perfil dos colaboradores que serão liderados.

Abraços


#3

@marlon2951, vou te passar minha opinião pessoal sobre isso, apesar de não haver muita fórmula para o assunto. Em geral, concordo bastante com o @brunosciola6208, apenas com alguns adendos.

O primeiro passo é entender qual é o propósito da empresa. Algo fora do financeiro que faça com que o líder trabalhe auto-motivado. Eu até fiz um texto sobre isso recentemente sobre uma empresa que vende perfumes. É lógico que a empresa tem como meta vender mais. Mas o que de fato trás o brilho nos olhos? Perceber que, por causa da sua empresa, vários jovens começaram novos relacionamentos? Ajudar pessoas a reestruturar suas vidas e se sentirem empoderadas após divórcios difíceis? São vários os caminhos e você precisa entender qual é a história que o seu produto conta que mais te deixa “amarradão”.

O segundo passo é cascatear isso para o resto da empresa, começando pela contratação de pessoas. Em hipótese alguma você pode contratar alguém que não curta muito o propósito da empresa. Por exemplo, aqui na LUZ/Clara, nós colocamos empreendedores em primeiro lugar. A primeira competência para alguém entrar na empresa não é nada técnico, mas sim, ser “viciado” em ajudar empreendedores. Outro ponto importante é definir quais os valores que você vai exigir/proibir na sua equipe. Lembrando que hoje em dia valores são atitudes, não qualidades. Um valor como “proatividade” não diz nada. Mas “ser proativo na hora de resolver o problema de um cliente sem esperar autorização do líder” diz muita coisa. Essa declaração de valores deve ser feita por cargo. Um gerente deve estar pronto para entregar mais nesse sentido do que um analista, por exemplo.

O terceiro passo é pensar em uma meta grande que seja um sonho de todos na empresa. A visão no caso. Aqui eu também sugiro não vincular estritamente ao financeiro. Pensa em algo que vai ser absurdamente incrível.

Se eu tiver que resumir a minha resposta, eu diria foque em estruturar uma cultura foda e não se preocupe mais em como liderar pessoas.

Espero ter ajudado!