Como desenvolver uma marca de credibilidade para concorrer com outra que já é estabelecida no mercado?

credibilidade
concorrência

#1

Como desenvolver uma marca de credibilidade para concorrer com outra que já é estabelecida no mercado?


#2

Olá, Alice, tudo bem?

Acredito que a melhor forma de concorrer com uma marca já estabelecida no mercado é não concorrendo com ela. Parece estranho, mas vou explicar melhor.

Quando existe um mercado já consolidado com 2, 3 ou mais players dominantes, é muito difícil roubar a posição deles nesse mercado, mesmo que você tenha muito dinheiro para investir na sua marca. É o caso da Pepsi que gasta 3 vezes mais do que a Coca-Cola com marketing e nunca chegou perto de roubar o primeiro lugar na cabeça das pessoas.

Por isso, a melhor estratégia ao lançar um produto ou serviço é criar um novo mercado buscando diferenciação. Ou seja, você cria um posicionamento para si (e tem que ser fiel a ele) tão diferente daqueles players que você iria concorrer que você passa a não concorrer mais com eles. Alguns exemplos:

  • O Vanish quando foi lançado poderia ter entrado no mercado como um concorrente do OMO e do Ariel, mas ele preferiu se posicionar como um alvejante para roupas coloridas. Hoje ele é líder nesse segmento e é visto como um complemento para os sabões convencionais.
  • O Red Bull poderia ter se posicionado como um refrigerante com capacidade energética. Iria entrar no mercado contra a Coca, a Pepsi, dentre outros. Preferiu criar um novo segmento para ser líder: bebidas energéticas.
  • O Cirque du Soleil viu que haviam várias demandas não atendidas pelos circos tradicionais. Se lançaram no mercado valorizando muito mais o espetáculo, a música, o figurino e os artistas do que números pontuais. Hoje eles concorrem com grandes espetáculos e não com circos convencionais.

Um exercício que eu faço bastante para descobrir as demandas não atendidas do público pelos players consolidados no mercado é a Curva de Valor. A partir deles você consegue ir adaptando seu produto ou serviço para ir se diferenciando em algo que eles não atendem.

Uma outra coisa importante é que as marcas estão cada vez mais ligadas a um propósito, uma razão de existir. Hoje, as marcas mais bem sucedidas são as que conseguem responder bem o Porque elas existem, não apenas O que elas fazem. Assiste esse vídeo aqui sobre o Golden Circle do Simon Sinek. É legendado e é muito bom!

Te ajudei? :slight_smile: